Saturday, March 2, 2024
Google search engine
InícioCriptomoedaStartup investe em criptomoeda para impulsionar mercado de cannabis

Startup investe em criptomoeda para impulsionar mercado de cannabis

Fintech entra em segmento que deve atingir ganho global de U$ 105 bilhões até 2026

O uso de canabinóides, popularmente tratados como cannabis medicinal, tem ganhado cada vez mais relevância no tratamento de diversas doenças. Segundo um levantamento recente da Prohibition Partners, o segmento deve atingir ganho global de cerca de US$ 105 bilhões até 2026. A efervescência do setor tem despertado o interesse de grandes grupos de investidores, que enxergam um grande potencial no mercado da cannabis para uso medicinal.

Pensando em mesclar saúde, benefícios econômicos, tecnologia e responsabilidade social em um projeto com foco nos canabinóides, a Productora Uruguaya de Cannabis Medicinal – PucMed, em parceria com a CubeChain, anunciaram o lançamento da PucMed Smart Bonds (I.S), também conhecida como CBD Capital. A nova fintech nasce com o objetivo de impulsionar a difusão e o uso de produtos à base de canabinóides para fins medicinais.

“O Smart Bonds é um token totalmente descentralizado de código aberto, com toda segurança blockchain, com lastro em 5 toneladas de matéria prima para a produção de derivados de cannabis, onde cada unidade de Token terá o valor de 1g de flor (U$ 1.8), de acordo com o valor de mercado praticado pelo governo do Uruguai nas farmacias, país de destaque no fornecimento global”, explica o CEO da fintech, Afonso Braga Neto.

No CBD Capital, cada token representa uma das etapas da cadeia produtiva de cannabis medicinal: o CBD SEED, que representa as sementes de cannabis medicinal de alta qualidade, com liquidação a partir de 4 meses; o CBD Flower, que representa o estágio de crescimento da planta de cannabis medicinal, com liquidação a partir de 6 meses; o CBD Extract, que representa o processo de extração do CBD, com liquidação a partir de 8 meses; e o CBD Product, que representa produtos finais de cannabis medicinal, como óleo com 10% de CBD puro de alta qualidade, com liquidação a partir de 10 meses.

“Ao aportar valores no SMART BONDS, o investidor poderá converter o montante em qualquer uma das criptomoedas populares em exchanges e, também, na Pancakeswap. Além disso, com o lastro em um produto real, o Token tem tudo para valorizar conforme a expansão do mercado”, aponta. O lançamento oficial da fintech está previsto para setembro deste ano.

A novidade pretende ainda contribuir para associações brasileiras que tratam crianças com síndromes diversas, entre elas epilepsia e autismo. “A cada 250 Tokens comercializados, as associações parceiras do projeto irão ganhar automaticamente 10 frascos de produtos à base de CBD utilizados no tratamento de milhares de crianças ao redor do país”, comenta Braga Neto. Já os investidores terão descontos especiais para a compra de produtos nas plataformas de venda das empresas parceiras.

Foco no mercado latino-americano

O SMART BONDS nasce com foco principal no mercado latino-americano, englobando uma das principais tendências do mercado financeiro atrelada a um setor da saúde em franca expansão em todo o mundo. A fintech oferece um conjunto de aplicações focadas em seguranças e usabilidade, além de uma grande perspectiva social. “Todo o investimento captado pelo SMART BONDS será aplicado no desenvolvimento do mercado, fortalecendo um grande número de empresas em um sistema que passa pelo plantio, manufatura, transporte, tratamento e jurisprudência com o objetivo de gerar um ecossistema ágil e sustentável, trazendo muita esperança para a vida de pessoas e famílias que precisam do tratamento por meio de canabinóides”, complementa Afonso Braga Neto.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -
Google search engine

MAIS POPULARES